10 de janeiro de 2019

Sinteal cobra e garante paridade de aposentados em São Luiz do Quitunde

Em reunião realizada ontem, no município de São Luiz do Quitunde, o Sinteal conseguiu avançar com a gestão sobre a paridade para todos os aposentados do município em relação ao reajuste salarial da categoria. O acordo de 2018 foi fechado em outubro, com o reajuste de 6,81% para todos os trabalhadores, mas parte dos aposentados não receberam, e o sindicato precisou fazer a cobrança.

Representantes da gestão do fundo de previdência receberam a presidenta Consuelo Correia e acompanhada do advogado da instituição, que cobraram o cumprimento da lei da paridade para todos os educadores.

Consuelo reafirma o compromisso do Sinteal em defender os direitos já conquistados. “É imprescindível que os trabalhadores tenham seus direitos respeitados, principalmente quando já passaram a vida contribuindo com o seu trabalho para a educação, e chegam à aposentadoria. A paridade é um direito constitucional, não se pode ignorar”.

Assembleia realizada em outubro do ano passado, quando foi aprovado o reajuste

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *