11 de março de 2019

Escola aberta! Comunidade comemora com Sinteal a vitória da luta

Festa, emoção e comemoração, esse era o clima na Escola Nossa Senhora de Aparecida na manhã da última sexta-feira (8), no bairro da Ponta Grossa, em Maceió. A comunidade finalmente recebeu a notícia de que a decisão de fechar a escola foi suspensa pelo Ministério Público, mantendo o funcionamento da unidade que há 22 anos atende a população da região.

A batalha finalmente chegou ao fim com uma vitória da educação pública. Mas antes disso, foi um período de incerteza e união das mães, pais, estudantes e educadores. Após o comunicado da Secretaria Municipal de Educação de que encerraria as atividades da escola, a direção informou as mães e procurou o sindicato. A mobilização feita comoveu a imprensa e a sociedade em geral, levando a Semed a dialogar, mas não resolveu o impasse.

“O papel de uma escola que já está envolvida com a história da comunidade não pode ser tratado de forma unilateral e burocrática pelos gestores do município. A participação efetiva de mães e pais de alunos na luta, prova que o trabalho desses professores e funcionários é reconhecido e transforma a vida dessas famílias. Em um município com índices tão altos de evasão escolar e analfabetismo, seria uma irresponsabilidade interromper um trabalho como esse”, disse Consuelo Correia, Presidenta do Sinteal.

Com o intermédio do Ministério Público, um relatório elaborado pela direção da escola, apresentado junto com o Conselho Tutelar, provou que a unidade não pode ser fechada. O Sinteal participou da luta desde o início, deu apoio e ajudou na mobilização e, na última sexta-feira (8), foi convidado pela direção da escola e mães e pais de alunos para comemorar a conquista da luta.

A diretora da escola, Cícera Rego, ressaltou a participação do Sinteal na luta. “O Sinteal teve uma importância muito grande para o não fechamento da nossa escola. Temos muito que agradecer à Consuelo e a todos que fazem o Sinteal”, declarou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *