7 de junho de 2019

Sinteal e a luta no interior: Campanha salarial em Delmiro Gouveia, Inhapi e São José da Tapera

A luta do Sinteal no interior do estado termina a semana com mais mobilizações dos núcleos regionais da entidade. Vamos às informações:

Delmiro Gouveia

O Núcleo Regional do Alto Sertão realizou, na manhã desta sexta-feira 07 de junho, assembleias nos municípios de Delmiro Gouveia e Inhapi. A pauta de ambas foi a Campanha Salarial/2019.

Em Delmiro Gouveia, cuja data base é maio, não foi apresentada, até então, nenhuma proposta de reajuste salarial pela gestão municipal. Como forma de pressionar a prefeitura e a secretarias municipal de Educação, a categoria deliberou uma paralisação de meio período, que acontecerá no próximo dia 12 de junho (4ª feira).

Já em Inhapi, cuja data base é junho, a prefeitura ofereceu 3% de ajuste (2% em junho e 1% em dezembro. A categoria não aceitou a proposta, por entender que a divisão torna o valor ainda mais irrelevante. Depois de alguns argumentos, chegou-se ao consenso de lançar duas contrapropostas: 3% de uma só vez, ou 3% (2% em junho e 1% em agosto), diminuindo assim a distância do parcelamento.

Pão de Açúcar

Depois de uma negociação com a Prefeitura e a secretaria municipal de Educação  e os representantes do núcleo municipal de São José da Tapera depois de várias reuniões com dois anos sem aumento. Ficou determinado que o aumento será de 4,17 por cento sendo dividido em duas vezes 2 por cento em Setembro e 2,17 em novembro, assim estabelecido sem querer da esse aumento foi uma luta do sinteal estadual regional e municipal.