18 de maio de 2020

Em reunião com o Sinteal, prefeito de São Miguel apresenta proposta de reajuste 2020

No dia 13 de maio, a direção do núcleo regional do Sinteal São Miguel dos Campos participou de uma audiência com o prefeito do município para discutir a pauta do reajuste salarial da categoria. Na ocasião, o gestor apresentou a proposta de implantar o valor do IPCA (4,31%), no entanto informou que não fecharia o acordo até o final da quarentena, o Sinteal vai levar a proposta para o conjunto dos servidores.

“Desde fevereiro que a gente vem sentando com ele, mas por conta da pandemia as negociações haviam sido suspensas, só sendo retomadas agora. Diante da conjuntura que estamos atravessando, ele propôs o valor do IPCA (4,31%) com retroativo a maio, mas na condição de que a proposta só seria efetivada depois que passasse a pandemia, isso significa que não tem uma data definida. A negociação segue em andamento. Precisamos ouvir a categoria antes de dar qualquer retorno sobre isso”, explicou Micheline Vieira, presidenta do Sinteal em São Miguel dos Campos.

A luta por valorização nos municípios tem sido um desafio em 2020, muitos gestores que estavam avançando nas negociações recuaram, outros fecharam o acordo. O Sinteal permanece com o trabalho em todos os municípios através da direção estadual e dos 11 núcleos regionais. A busca de diálogo com os gestores tem sido um compromisso assumido pelo sindicato.

“Estamos analisando sobre qual será a melhor forma para a consulta à categoria, se será uma assembleia virtual, ou outro formato, mas não há dúvidas de que será feita”, garantiu Micheline. “Também estamos conversando com os gestores dos outros municípios da região sobre essa pauta, para garantir o reajuste de todos/as”, finalizou a sindicalista.