20 de fevereiro de 2024

Minador do Negrão: Sinteal e trabalhadoras/es em educação realizam assembleia para organizar Campanha Salarial e Profissional 2024

Na manhã desta terça-feira (20), o Sinteal/Núcleo Regional Palmeira dos Índios realizou assembleia geral com as/os trabalhadoras/es da rede pública municipal de Minador do Negrão, quando, dentre outros objetivos, foi apresentada a pauta de reivindicações da Campanha Salarial e Profissional 2024.

Logo no início da assembleia classista, iniciando o diálogo com a plenária, o vice-presidente do NR/Palmeira, companheiro Carlos Teles, apresentou a referida pauta reivindicatória da Campanha Salarial 2024, alertando para o fato de que o município de Minador do Negrão vem apresentando aumento de receita quanto aos recursos do Fundeb – o Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação. Este ano, a estimativa é de 21,87% a mais do que em 2023.

Com as perdas salariais verificadas nos últimos anos, a categoria definiu e decidiu junto com o Sinteal para que seja realizado o realinhamento de tabela salarial, com aplicação do piso do magistério na carreira e também a recomposição do salário-base das/os funcionárias/os, especialmente os de nível fundamental – que encontram-se com salário-base abaixo do salário mínimo atual.

A assembleia também salientou a preocupação quanto ao reajuste das/os profissionais aposentadas/os, “pois muitos estão com salários congelados”, como bem comentou um servidor.

Ao final da assembleia, a categoria decidiu também reforçar a mobilização em busca da reformulação do Plano de Cargos Carreiras e Remuneração (PCCR) e também a realização de concurso público na educação, tendo em vista à grande quantidade de servidoras/es em processo de aposentadoria já para este ano.

A luta continua!